Financiamento imobiliário com correção pelo IPCA

financ imob

A Caixa Econômica Federal, em 2019, lançou no mercado imobiliário uma nova modalidade de financiamento com taxas de juros bem menores que as atuais, isso foi uma boa notícia para o setor e uma boa opção para os adquirentes. A correção monetária passou a ser calculada pela inflação (IPCA).

Os juros vão de 2,95% a 4,95 ao ano, dependendo do caso:  servidores públicos em condições especiais e do setor privado. Esse modelo de financiamento está em vigor desde 26.8.2019, é facultativo e se aplica aos novos financiamentos.

O adquirente poderá financiar até 80% do valor do imóvel, com pagamento em até 360 parcelas. Já os   20% restantes deverá ser pago com recursos próprios ao alienante.

Esse tipo de financiamento é interessante se não houver desestabilidade na economia, pois depende muito do equilíbrio da inflação. Caso a economia permaneça estável, esse tipo de financiamento é bem vantajoso em comparação aos demais.

Aconselhamos cautela na hora de escolher qual tipo de financiamento a ser utilizado, e isso deverá ser analisado de acordo com as condições financeiras de cada pessoa. Melhor será optar pelo pagamento em menor prazo (parcelas), isso consequentemente trará mais segurança para quem deseja financiar a compra de seu imóvel.

Para maior agilidade na tramitação de todo processo, procure ajuda de seu despachante imobiliário em seu município, isso será de grande valia. Em Recife e Olinda/PE, recentemente, prestamos assessoria a vários clientes que optaram por essa modalidade de financiamento.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
INÍCIO
Open chat
Precisa de ajuda?
Olá, podemos te ajudar?